Localizada a 90 km de Belo Horizonte a Serra do Cipó é o lugar ideal para os aventureiros e amantes da natureza. Com lindas cachoeiras, cânions, grutas e trilhas, esse cantinho de Minas Gerais despertou nossa curiosidade.

Nossa aventura começou na noite de sexta-feira.
Pegamos o avião rumo a Belo Horizonte, desembarcamos às 20h. Como é de costume, optamos por viagens baratas e assim embarcamos em um ônibus local que ia para Lagoa Santa, cidade vizinha a Serra, nessa cidade há uma rodoviária onde é possível pegar outro ônibus que nos levaria ao destino final.

Chegamos as 22h em Lagoa Santa, como já era de se imaginar, não havia mais ônibus para a Serra do Cipó, tínhamos duas opções: podíamos tentar ir andando ou podíamos aguardar o dia seguinte para pegar o ônibus. Como a distância era grande, decidimos esperar. Conversamos com o segurança da rodoviária para que pudéssemos dormir na área interna da rodoviária, ele aceitou e ficamos por lá,  deitamos sobre umas cadeiras em um local mais protegido da rodoviária, veja as fotos.

No dia seguinte, levantamos e arrumamos tudo na primeira luz do sol e decidimos ir para a rua esperar o ônibus passar, enquanto esperávamos o bus conseguimos uma carona com o dono da Bambu Aventura, um aventureiro de carteirinha e uma pessoa simples e apaixonada pelo que faz, fundador de uma agência de turismo de aventura que atua em Lapinha da Serra e na Serra do Cipó, por pouco não mudamos nossos planos e iamos com ele para Lapinha da Serra.

Chegamos na Serra as 08 a.m, armamos a barraca, comemos algumas frutas e fomos explorar o lugar.

Fomos ao Véu da noiva , saltamos da pedra, caminhamos ate a nascente do rio e dormimos pelados no alto da cachoeira, sim, pelados. haha

No dia seguinte, queríamos acessar o parque e explorar os lugares por lá , nossa idéia inicial foi alugar dois cavalos, mas logo descobrimos que só poderíamos entrar com cavalos se fossemos com guia, desistimos da idéia, gostamos de explorar sozinhos. Trocamos os cavalos por bicicletas e assim adentramos ao parque. O parque tem dois lugares encantadores: Os cânions das bandeirinhas e a Cachoeira da Farofa, fomos diretamente para os cânions que fica a 12 quilômetros da entrada do parque. Não havia ninguém, foi um espetáculo da natureza.

 

DICAS PARA IR NA SERRA DO CIPÓ

Quando ir: De maio a setembro é o melhor período para ir a Serra do Cipó, momento de poucas chuvas na região, e as cores da flora local são intensas e coloridíssimas.

O que fazer: O Parque da Serra do Cipó é um parque de diversão para os aventureiros, é possível trilhar por diversos caminhos, visitar cachoeiras e até mesmo ir aos cânions da serra. A cachoeira do Véu da Noiva é linda, é possível pular de cima de uma das pedras, a uns 7 metros da água.

Realize a trilha dos escravos para subir até a fonte da cachoeira Véu da Noiva e depois caminhe até a parte de cima do Véu da Noiva , de lá é possível ver um pôr do sol lindo.

  • A entrada na em algumas cachoeiras é paga, lembre-se de levar dinheiro trocado.

Onde acampar: Acampe no Camping Véu da Noiva, melhor infraestrutura e localização, ao lado da cachoeira. O camping tem boa estrutura de banheiros e água.

Share This